NOTÍCIA

Volkswagen lança Harch 100% elétrico e diz que ele é tão importante quanto o Fusca e o Golf

 
A Volkswagen revelou hoje, as vésperas do Salão de Frankfurt para a imprensa, o seu mais novo hatch médio: um popular elétrico. O Volkswagen ID.3 é o primeiro veículo construído sobre a plataforma modular elétrica MEB e o primeiro carro da marca a receber o novo logotipo. 
 
A configuração de entrada custará 30 mil euros, algo como R$ 135 mil na conversão direta. Agora, se ele vem para o Brasil? A montadora nos responde: “sem previsão”. O ID.3 será entregue na Alemanha a partir da metade de 2020.
 
Concorrente direito do Chevrolet Bolt, a novidade terá três tamanhos de bateria. O menor conjunto tem 45 kWh e autonomia de até 330 quilômetros. A maior versão de bateria tem 77 kWh e autonomia de até 550 quilômetros.
 
A importância do carro para a montadora é tamanha que a Volkswagen diz estar entrando numa nova era após o Fusca e o Golf. “Com o ID.3, a Volkswagen está entrando na era da mobilidade livre de CO2”, afimou a VW.
 
Espaço interno como diferencial 
 
Com dimensões externas comparáveis ao Golf, o ID.3 oferece como diferencial bom espaço interno, o maior da categoria, de acordo com a montadora. O novo hatch tem 4,20 metros de comprimento, 1,8 m de largura e 1,5 m de altura, com 2,76 metros de distância entre os eixos. Para se ter uma ideia, o entre- eixos do T-Cross é de 2,65 metros. O porta-malas do ID.3 tem 358 litros, volume bom para um hatch médio.
 
 
Tudo isso foi possível porque o carro não tem um motor de combustão interna, o motor elétrico foi colocado no eixo traseiro e as baterias estão no assoalho do veículo. Ou seja, o conjunto não interfere no espaço da cabine. A Volkswagen oferecerá garantia de oito anos ou 160 mil quilômetros para as baterias.
 
A propulsão elétrica do ID.3 consiste em um motor síncrono com imã permanente, incluindo a eletrônica de potência e a caixa de transmissão, que foram integrados no eixo traseiro. São 204 cv de potencia e 31,6 kgfm de torque.
 
Nos próximos anos, a VW lançará um crossover SUV (o ID Crozz), um sedã (o ID Vizzion), um SUV maior (o ID Roomzz) e relançará seu icônico micro-ônibus e buggy como veículos totalmente elétricos (o ID Buzz e o ID Buggy , respectivamente).
 
Visual
 
No ID.3, os faróis tradicionais foram substituídos por faróis de matriz de LED e controle Dynamic Light Assist de facho alto: uma câmera no para-brisa analisa a presença de usuários da via à frente, assim como o tráfego em sentido oposto. Com base nesses dados, o farol alto é ligado automaticamente em velocidade acima de 60 km/h e permanece ativado sem ofuscar o tráfego contrário.
 
Assim como no Volkswagen up! na Alemanha, a tampa do porta-malas é de vidro. Além disso, o hatch tem teto panorâmico.
 
 
Conectado
 
Somado ao painel de instrumentos 100% digital, o ID.3 tem uma nova tela sensível ao toque posicionada no centro do painel com dez polegadas. Caso você não queira desviar o olhar da via, o hatch tem head-up display como opcional.
 
Todos os controles, incluindo os localizados no volante multifuncional com ajuste elétrico, são operados através de funções de toque, através de botões sensíveis ao toque. Apenas os vidros elétricos e as luzes de alerta continuam a ser acionados por interruptores táteis. Tudo isso é acionado por um assistente pessoal – basta dizer: “Hello, I.D”.
 
 
As funções de assistência são auxiliadas por uma câmara instalada no para-brisa, uma tecnologia que também pode identificar placas de trânsito. As funções de conforto e segurança do ID.3 incluem sistema de frenagem de emergência e monitoramento de pedestres, frenagem pós-colisão e sistema de manutenção de faixa Lane Assist.
 
O carro também possui assistente de estacionamento incluindo sistema de câmera traseira e chave presencial com maçanetas das portas iluminadas. Graças ao sistema Park Distance Control (Controle de Distância no Estacionamento), com frenagem em manobras, o hatch evita em grande parte problemas ao estacionar. A função pode evitar colisões iminentes ou diminuir a gravidade das colisões ao efetuar uma frenagem de emergência ao manobrar no último momento possível.
 
O sistema multimídia do ID.3 traz um sistema de navegação que pode ser atualizado e recarga de smartphones por indução. O sistema de som pode ser incrementado por um pacote Beats com oito alto-falantes e um subwoofer.
 
 
Era elétrica
 
Até 2050, o grupo Volkswagen quer apresentar um balanço de CO2 totalmente neutro. A marca Volkswagen investirá cerca de nove bilhões de euros em mobilidade elétrica até 2023 e pretende produzir mais de dez milhões de veículos elétricos ao longo dos próximos dez anos. Mais de 20 modelos elétricos estão planejados.

Fonte: revistaautoesporte.globo.com