NOTÍCIA

Onix supera Hilux de novo e passa a liderar também na Argentina

 
Se o mercado argentino já vinha mal há um bom tempo, a chegada do coronavírus piorou ainda mais a situação. Um decreto do governo local indicou o início da quarentena para fábricas e concessionárias até o próximo dia 31/03. Com isso, as vendas de veículos novos em março contabilizam os números apenas até a semana passada (19/03): 17.197 automóveis e comerciais leves, 24% a menos do que nos mesmos 19 dias de março do ano passado. 
 
Em relação a fevereiro, o mercado estava apresentando boa reação (+13,1%), algo que agora não tem mais valor algum. A Toyota, com 3.017 unidades, assumiu a liderança entre as montadoras, com VW e Chevrolet separadas por apenas 18 unidades (2.563 x 2.545). Segunda em fevereiro, a Renault (1.661) por muito pouco não perdeu o 4º lugar para a Fiat (1.659).
 
Com 1.625 unidades, quase 64% de tudo o que foi registrado pela marca, o Chevrolet Onix repetiu a liderança do mês passado e abriu vantagem sobre a Toyota Hilux (1.133), preferida nos 13 meses anteriores. Desalojando o VW Gol (685) do pódio, o Toyota Etios emplacou 821 unidades. O Ford Ka, com 576 unidades, completou o top 5
 
Na 17ª posição em fevereiro, o Yaris (519) subiu 11 posições e colaborou para a posição de honra da Toyota entre as montadoras. Sétimo, o Fiat Cronos (488) mais uma vez foi o sedã nº 1. Atrás da VW Amarok (481), o VW T-Cross (428) liderou entre os SUVs pelo 2º mês em sequência.
 

Fonte: motor1.uol.com.br