NOTÍCIA

Novo Audi e-tron Sportback chega ao Brasil ainda em 2020

 
A Audi já apresentou o e-tron no Brasil - inclusive já andamos no modelo. Durante uma live para mostrar os detalhes do modelo, o presidente da Audi do Brasil, Johannes Roscheck, confirmou a chegada do e-tron Sportback ao país ainda em 2020, mesmo com todo o cenário causado pela pandemia do Covid-19 e o distanciamento social. 
 
O e-tron Sportback é a versão com caimento cupê do SUV totalmente elétrico. O conjunto de dois motores tem a mesma potência, gerando 408 cv e 67,7 kgfm de torque, sendo um em cada eixo. Eles trabalham como um sistema de tração integral e, dependendo do modo de condução selecionado, eles podem trabalhar de forma independente, sendo possível inclusive um deles ser totalmente desligado - o que economiza bateria. 
 
Falando em baterias, ele usa o mesmo conjunto do e-tron "normal". São 95 kWh de capacidade mas, segundo o WLTP (orgão que regula essas medições na Europa), o Sportback é mais eficiente que o e-tron. São 443 km de autonomia, ou 26 km a mais pela aerodinâmica do teto com caimento cupê. Em espaço interno, ele perde apenas 10 mm em espaço para a cabeça dos passageiros traseiros.
 
O Audi e-tron Sportback é mais caro que o e-tron. Nos Estados Unidos, são US$ 2,5 mil a mais, por exemplo. No Brasil, apesar da Audi ainda não falar sobre preços e versões, o Sportback deve seguir os itens do e-tron recentemente lançado. Se a novidade custa de R$ 499.990 a R$ 539.990 (com todos os opcionais, ultrapassa os R$ 600 mil), o Sportback deve começar em cerca de R$ 520 mil, chegando perto dos R$ 650 mil, considerando o aumento do dólar nos últimos meses e a instabilidade do mercado no futuro após o processo de distanciamento social. 
 
A Audi está investindo neste segmento no Brasil. Entre as ações, há a instalação de diversos pontos de recarga pelo país, inclusive de carga rápida em rodovias em parceria com a Porsche, Volkswagen e EDP. 

Fonte: insideevs.uol.com.br