NOTÍCIA

Suzuki Jimny será apresentado dia 5 de julho

 
Depois de apresentar uma projeção da nova geração do Jimny, uma concessionária da Suzuki no Japão não conseguiu manter a boca fechada e revelou que a nova geração do SUV raiz será apresentado em breve. Ou seja, este é o segredo mais mal guardado da indústria automotiva dos últimos anos.
 
Enquanto os primeiros rumores diziam que seria apresentado mais para o final do ano, o lojista da Suzuki diz que ele será apresentado no dia 5 de julho, o que é daqui a menos de um mês. Se você estiver tão animado quanto nós, será um mês bem longo por causa da espera.
 
O vazamento foi revelado pelo site Indian Autos Blog, junto com mais informações. O mini-SUV da Suzuki terá uma nova versão chamada Jimny Sierra. Ainda não sabemos o que essa variante irá oferecer.
 
Baseado nas projeções e imagens vazadas, a quarta geração do Suzuki Jimny terá um design neo-retrô, com formato bem quadrado, parecendo ainda mais uma caixa do que a geração atual (que já tem quase 20 anos). Terá entradas de ar bem largas e manterá os faróis redondos. Parece um pequeno Mercedes-Benz Classe G - só que uma cara menos agressiva. As imagens que vazaram anteriormente mostravam também o interior do novo Jimny, que terá uma central multimídia no centro do painel, que será bem mais limpo e com saídas de ar circulares. Os controles do ar-condicionado também serão redondos.
 
Já a motorização, segundo os rumores, deve ser composta pelo novo 0,66 litro R06A a gasolina, que a Suzuki utiliza em carros Kei no Japão, ganhando isenções de taxas. Claro, será restrito para o mercado nipônico. No resto do mundo, deve utilizar o 1.0 K10C Boosterjet turbo, 1.2 K12C DualJet ou o 1.2 K10B aspirado a gasolina. Continuará a ter uma construção carroceria sobre chassi, para manter sua capacidade off-road, assim como o sistema 4x4 AllGrip.
 
Ainda é cedo para ter certeza sobre quais serão suas especificações, mas nós temos menos de um mês para imaginar qual será a melhor motorização para o Jimny, ou podemos esperar que mais informações acabem na internet.
 

Fonte: motor1.uol.com.br