NOTÍCIA

JAC volta a abrir revendas após quase 3 anos

 
A JAC Motors volta a abrir concessionárias depois de quase três anos. A empresa retornou à cidade de Santo André, na Grande São Paulo, está em Sorocaba (SP) e Vitória (ES). “Também há contratos assinados para abertura de nove revendas até o fim de 2018”, afirma o presidente da JAC Motors do Brasil, Sérgio Habib.
 
A rede chegou a ter 70 lojas, mas restaram atualmente 22 unidades, além de 26 pontos de assistência. A retomada ocorre por causa da chegada de novos produtos como o utilitário esportivo T40, o pequeno caminhão V260, de alguns lançamentos que ocorrerão em 2018 e a perspectiva de voltar a importar veículos sem ter de pagar os 30 pontos porcentuais extras de IPI.
 
“Queremos vender 10 mil veículos em 2018”, afirma Habib. Será um crescimento considerável, pois até setembro de 2017 a JAC havia emplacado pouco mais de 2,5 mil unidades e deve fechar o ano com cerca de 4 mil. 
 
As novas concessionárias estão programadas para grandes cidades das Regiões Sul, Norte, Nordeste e do interior de São Paulo. Dos 10 mil carros planejados para o ano que vem, 7 mil serão do T40, que em alguns meses receberá uma nova versão com câmbio automático CVT. 
 
Também em 2018 a empresa lançará o T20, um hatch com apelo aventureiro para concorrer com o Renault Kwid, o novo SUV T50 e uma picape 4x4 com cabine dupla e motor a diesel. 
 
Fábrica nacional ainda distante
 
A fábrica da JAC de R$ 1 bilhão para produzir 100 mil carros por ano não vingou em Camaçari no fim de 2014 e o projeto posterior, bem menor, para montar a partir de kits CKD, também está parado, sem data definida para inauguração. 
 
E é muito provável que não seja mais nem mesmo na Bahia: “Conversamos com várias montadoras que estão com a capacidade ociosa”, afirma Habib, sem revelar nomes. O executivo também admite a utilização de um modelo semelhante ao adotado por empresas que terceirizam a montagem das carrocerias na Flamma, antiga Automotiva Usiminas. A capacidade instalada será para 30 mil unidades ao ano. O primeiro modelo nacional será o T40.

Fonte: automotivebusiness.com.br