NOTÍCIA

Fisker Emotion é esportivo, é elétrico e cruza 640 quilômetros sem recarregar

 
A CES 2018 está cada vez mais com cara de salão do automóvel do futuro. Na última terça (9), a maior feira de tecnologia dos Estados Unidos foi palco para a Fisker, fabricante automotiva californiana (onde mais?), revelar mais detalhes do esportivo elétrico Emotion. Embora esteja brilhando sob os holofotes da feira neste momento, as primeiras imagens e o nome do carro surgiram em outubro de 2016. O esportivo foi criado por ninguém menos que Henrik Fisker, CEO da marca, o mesmo que por décadas desenhou modelos icônicos para a Aston Martin e BMW.
 
 
Agora, em Las Vegas (EUA), finalmente o belo veículo de presença marcante que não passa despercebido pela feira teve algumas de suas especificações reveladas. E elas são impressionantes. O Emotion será equipado diversos motores elétricos que, juntos, são capazes de gerar mais de 780 cv. O suficiente para levá-lo aos 100 km/h em menos de 3 segundos e para atingir a velocidade máxima de 256 km/h, segundo a Fisker. Mesmo com toda essa cavalaria, o modelo foi anunciado como sendo dono de uma autonomia de 640 quilômetros, com apenas uma carga. A tração é integral.
 
A autonomia de 400 milhas só foi alcançada porque a montadora faz uso de uma nova tecnologia de baterias batizada de “grafeno”, uma forma de carbono que pode ser usada para desenvolver baterias menores, mais finas e com maior capacidade. No universo da tecnologia, o grafeno, que foi descoberto em 2004, já é tido como um material miraculoso graças à sua força, condutividade elétrica e elasticidade.
 
 
Sem muitos dados técnicos fornecidos até o momento, o elétrico autônomo se apresenta com um visual moderno e arrojado. As portas, por exemplo, foram projetadas no estilo “borboleta”, como a marca faz questão de chamar, que é quando as traseiras se projetam cima e para trás, enquanto as dianteiras se posicionam também acima, mas para frente, quando abertas. O luxuoso interior feito para quatro ocupantes é todo forrado de couro. Nele, quase não há comandos mecânicos.
 
Em termos de tamanho, o modelo futurista ostenta 5,08 metros de comprimento e 3,02 metros de distância entre-eixos, o que deve ser suficiente para os passageiros esticarem as pernas nos assentos traseiros para assistir à enorme tela plana instalada na cabine.
 
 
Nos Estados Unidos, o Fisker Emotion custará US$ 129 mil, algo como R$ 420 mil. Para os interessados, as reservas já podem ser efetuadas pelo site e para isso o interessado deve depositar um valor simbólico de US$ 2 mil, ou R$ 6.500. O esportivo está previsto para chegar às ruas norte-americanas em 2019. O autônomo elétrico ainda não teve seu preço definido para o Reino Unido, embora seu desembarque em terras inglesas esteja previsto já para 2020. 
 

Fonte: revistaautoesporte.globo.com